ABL JUNTOS

Deus quer qualidade e não quantidade

O profeta Isaias em Romanos 9:27b, diz: “Ainda que o número dos filhos de Israel seja como a areia do mar, o remanescente é que será salvo”. Na verdade o número é bom, não podemos desprezá-lo, visto que o próprio Jesus que enviou mensageiros disse: “Que a casa se encha pois ainda há muito lugar”. Esta palavra foi extraída de uma parábola de Jesus. Vejamos como a qualidade prevalece contra a quantidade. Quando Deus apareceu a Abraão, cuja esposa era estéril, disse que faria de sua descendência uma grande multidão. Milagrosamente, nasceu Isaque, de cujo filho Jacó, que foi habitar no Egito, de cuja descendência nasceu uma multidão inumerável. 

Foi necessário usar Moisés para tirar este povo do sofrimento. Quarenta anos pelo deserto chegaram à terra de Canaã; de cujo povo Deus no livro dos Salmos, faz uma lamentação pela desobediência dessa gente, pois se tornaram incrédulos. Isso levou Isaias a escrever o que foi dito acima. Quantos deste povo receberam a pessoa do Messias prometido? Poucos; basta ler os evangelhos. Este fato é perfeitamente aplicável ao povo de nossos dias.



Há poucos dias o Brasil recebeu o Papa, tendo o governo gastado milhões com sua vinda; milhões de sedentos pela verdade vieram ao Brasil para saciar a sua fome e sede espiritual. Pergunto: Quantas conversões houve a Cristo? Quantos voltaram para suas casas realmente levando a certeza de sua salvação? Além disto, os nossos olhos estão contemplando milhões de pessoas super lotando os templos religiosos em busca de milagres do ponto de vista físico, esquecendo-se do maior milagre que é o da alma! E também que a doença do corpo pode voltar! O Senhor Jesus em João 6:27 diz: “Trabalhai pela comida que permanece para a vida eterna, a qual o Filho do homem vos dará”. Quantos destes que procuram o milagre do corpo podem dizer com segurança: “Eu tenho plena certeza de minha salvação; eu sou uma pessoa muito feliz”? Existem outras seitas religiosas que também enchem seus grandes templos, obedecendo rigorosamente os seus preceitos; e fazem tudo com muito zelo e ardor, praticando jejuns. Podem no final do seu culto dizer: eu estou seguro, absolutamente seguro que vou morar no reino celestial?
O Senhor Jesus declarou no evangelho conforme João: “Quem não honra o Filho, não honra também o Pai”. Existem milhares de outras seitas religiosas que também não honram o Filho, cujo número é incontável. “Multidões, multidões no vale da decisão, diz um dos profetas”. De fato, esta palavra é perfeitamente aplicável ao povo do século 21; uma vez que não tomam a decisão de com muita seriedade seguir os princípios verdadeiros ensinados pela Bíblia, a respeito da salvação. Eles permanecem no vale da decisão. De todos estes mencionados, que somam bilhões e bilhões, quantos serão salvos? Aplicando a palavra dirigida a Israel, só um resto é que será salvo; pois Jesus em Mateus7: 13 diz que a porta de entrada é estreita e o caminho da vida é apertado; e em João 14:6, diz que o caminho é Jesus; e que ninguém chega ao Pai senão por Ele.
Prezado leitor, como pudemos verificar, Deus não se impressiona com quantidade, mas, com qualidade. É lamentável que com todas essas multidões, pouco se fala do plano de Deus para salvar o homem; e se falam, não expõem o verdadeiro método de o homem poder chegar a Deus. Muito falatório, muita campanha, muito dinheiro gasto, sem o devido proveito. A mensagem qualificada de Deus é o homem receber a certeza da vida eterna através de Jesus, e tão somente por Jesus. O homem vê quantidades; vê aquilo que agrada aos olhos; Deus, porém, olha para o coração, para a qualidade da alma. O profeta Samuel estava impressionado com a bela figura de Saul que seria o rei de Israel, mas Deus lhe disse: “Não olhes para a sua aparência, pois o tenho rejeitado”. Por isso, prezado leitor, não se impressione com quantidade; lembre-se que o caminho é apertado e a porta da vida é estreita; e Deus recomenda dizendo: “Se alguém quer vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sua cruz e siga-me”.
Pr. Timofei Diacov
Fonte: www.adiberj.org